Professores de universidades em greve reclamam de falta de diálogo

Nesta quarta-feira, representantes de professores e funcionários de universidades federais queixaram ao governo a falta de reajuste salarial para a categoria. Eles foram recebidos na tarde de hoje por autoridades da Secretaria-Geral da presidência, órgão responsável pela interlocução com setores da sociedade. Estima-se que 350 mil servidores federais estejam em greve. A principal reclamação apresentada é a falta de diálogo com o governo, sobretudo com o Ministério do Planejamento, responsável pela administração do orçamento da União.

Veja onde há greve de professores de universidades e institutos federais

De olho na “responsabilidade fiscal”, o governo federal não deverá conceder reajustes aos funcionários públicos neste ano e nem no ano que vem. Pelo menos se a situação econômica continuar “preocupante”, afirmam fontes do governo.

“De pés e mãos atados”, o governo e os ministérios da Fazenda e do Planejamento não têm condições de conceder os ajustes, mas auxiliares da presidente Dilma Rousseff afirmam que a situação não é definitiva. Se houver uma recuperação de receita, o Executivo estuda atender às demandas dos trabalhadores por aumentos.

Em discurso proferido ontem, o senador Cristovam Buarque (PDT-DF) fez um apelo pelo fim da greve dos professores das instituições federais. Ele afirmou que a atividade dos professores não pode ser comparada à de um operário da construção civil, pois a cabeça de um aluno “não é uma parede esperando um tijolo”. “O trabalho de construção pode ser recuperado, mas a atividade do conhecimento fica comprometida”, explicou.

O senador pediu ainda que as universidades equilibrem a atenção dada aos cursos da área de humanas e aos da área científica e ressaltou que as reivindicações dos professores são justas. “Quando a universidade para, o País também para na produção do conhecimento. Que haja mais recursos, mas que haja transformação”, pediu Cristovam.

Texto: Diogo Alcântara
Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s